Endomarketing – Excelência que se constrói de dentro pra fora

1
Share

Endomarketing – Excelência que se constrói de dentro pra fora

O endomarketing é hoje uma das mais importantes ferramentas para aumentar o engajamento dos colaboradores de uma empresa.

Também conhecido como marketing interno, o endomarketing consiste numa série de ações e estratégias destinadas às pessoas que trabalham em uma organização visando a construção, “de dentro pra fora”, de um maior valor corporativo para uma solução (produto/serviço) oferecida no mercado.

Para que isso aconteça, o endomarketing atua na ampliação de um espaço organizacional que consegue, com eficiência, estimular a integração de uma equipe de trabalho por meio da difusão de uma cultura interna amparada por princípios sólidos e focada na colaboração e na valorização dos esforços de cada um de seus membros.

Como já está mais que provado, equipes fortemente comprometidas com as mesmas metas conseguem superar seus próprios limites mais facilmente, conquistando resultados cada vez mais significativos na eterna busca pela excelência.

 

O endomarketing e o senso de pertencimento

Uma estratégia eficaz de endomarketing faz com que os colaboradores se sintam partes fundamentais da empresa em que trabalham, conseguindo enxergar o valor e o papel de seu trabalho no processo de construção coletiva do produto/serviço oferecido no mercado.

O endomarketing, assim, gera um universo corporativo comum, que alinha expectativas e necessidades entre líderes e liderados, compartilhando conhecimento relevante e aproveitando oportunidades até então veladas de engajamento.

Isso gera um ciclo positivo que começa na melhoria do clima organizacional, passa e influi positivamente na motivação dos funcionários e acaba gerando, como consequência, um aumento considerável na produtividade geral.

O endomarketing também é responsável pela diminuição da rotatividade de empregados (turnover) por meio da retenção inteligente de talentos e pelo aumento na atração de profissionais qualificados. Afinal, quem não quer trabalhar numa empresa que estimula e reconhece o valor do trabalho de cada funcionário?